Mau jornalismo – “O Globo” ataca direção do Sepe para proteger seus interesses

Padrão Globo de jornalismo: transformando golpe  em "sucessão democrática"

Padrão Globo de jornalismo: transformando golpe em “sucessão democrática”

 
Por Dirley Santos
 
Depois dessa, ainda é possível alguém levar as Organizações Globo a sério?
Qual a relevância mesmo deste tipo de matéria?
Vai ter uma também levantando a filiação partidária dos secretários do prefeito e do governador?
Por que não foi entrevistado nenhum diretor ligado ao PT, ao PCdoB ou ao PSB, partidos que fazem parte do governo?
Será que o Globo apurou que um militante do PT é coordenador-geral do de Sepe?
Será que apurou que diretores destes partidos aliados do governo também estiveram na ocupação da Câmara?
Será que apurou por que não quis divulgar o nome de ninguém?
Será que apurou que quem decide as votações do sindicato são os próprios profissionais de educação através de assembleias e eleição direta.
Não,  nada disso.
Então, qual o interesse em proteger o governo?
As Organizações Globo são uma das maiores beneficiadas com a privatização do ensino. Recebe dinheiro público, milhões de reais, através da Fundação Roberto Marinho. Verba pública que deveria ir para a educação pública e seus profissionais.
Isso só mostra que este tipo de matéria leviana tem o objetivo de desinformar, caluniar e causar confusão para desviar o foco de cima dos governos.
E assim proteger na verdade os interesses financeiros e os compromissos políticos da própria empresa com o Estado.
Enquanto isso questões importantes ficam sem apuração
Por que dezenas de milhares de educadores são contra a proposta do prefeito e se mantém a quase dois meses em greve?
Por que vereadores que empurram durante anos votações importantes para a cidade resolveram ser tão ágeis com uma proposta tão polêmica?Mas para as Organizações Globo, isso não deve ser nenhum problema. Afinal daqui a 60 anos elas pedem desculpa por apoiar o lado errado…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *